Seguidores

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

VIDÊOS DE EVENTOS

Polícia prende jovem de Mamanguape 

acusada de roubar R$ 600 mil em joias




Raquel Viana dos Santos, de 24 anos, foi presa pela Polícia Militar de Mamanguape, na noite desta quinta-feira (11), no momento em que saia de um motel na mesma cidade. A Polícia teria recebido a denúncia de que clientes não queriam pagar pela estadia, ao realizar a abordagem foi constatado um mandado de prisão em aberto contra a jovem, expedido pela justiça do Estado do Espirito Santo.
Raquel que é natural de Mamanguape, é acusada de roubar cerca de R$ 600 mil em joias da casa de um empresário em Vila Velha, naquele Estado. O crime foi cometido em novembro de 2017, e fotos da suspeita estavam circulando nas redes sociais no sentido de localiza-la.
Segundo a Polícia, ela foi detida com outras pessoas, com R$ 60 mil, em espécie, e uma pistola 380. A Polícia apurou que Raquel estava passando uma temporada na Paraíba, juntamente com um grupo de amigos.
Ela teria visitado algumas cidades, incluindo Baía da Traição, confessando que, com o produto do roubo, comprou imóveis, gastou em viagens, compras e diversão. O grupo foi conduzido para o posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em seguida, para a Delegacia de Mamanguape.
O crime
Em novembro de 2017, a família de um empresário de Vila Velha, no Espírito Santo, foi vítima de um furto milionário. Em meados de julho de 2017, a família contratou a suspeita para trabalhar na casa como doméstica.
“Passados os 90 dias de experiência, nós pedimos a carteira de trabalho dela para assinar. Nesse tempo ela nunca deu sinais de não ser uma pessoa confiável”, relata o representante comercial de 43 anos, que não quis ter nome revelado.
Segundo o representante comercial, ele e a esposa saíram de casa enquanto a mulher fazia a limpeza da residência. Por volta das 15h30, quando voltaram, perceberam que o dinheiro e as joias haviam sumido.
Eles, então, pediram as imagens de videomonitoramento do prédio e constataram que a doméstica saiu do condomínio por volta das 10h40, carregando uma sacola e uma bolsa.
O dono do apartamento disse que tentou contato com a funcionária, mas há pouco tempo ela havia dito que o celular tinha sido roubado.
Confiança
O representante comercial contou que já teve outras funcionárias em casa, mas nunca passou por esse tipo de situação antes. Ele lembra que a doméstica era simpática e só foi contratada porque tinha referências.
“Ela tratava a nossa filha bem e sempre foi muito simpática com a gente. Não imaginamos que algo assim pudesse acontecer”, afirmou.
O casal registrou boletim de ocorrência na 2ª Delegacia Regional de Vila Velha. Eles também usaram as redes sociais para pedir ajuda para localizar a doméstica.



Da redação com PBVale
   ntar

3
0 Comentários

Postar um comentário