O caso do homem e da mulher flagrados em cenas quentes durante um voo da Ryanair sofreu uma reviravolta. A imprensa britânica descobriu a identidade dos envolvidos e os fatos escusos que estão por trás da história. Os dois são Tracey Bolton, 39 anos, que é mãe de três filhos; e Shaun Edmondson, que deixou a mulher grávida em casa antes de ir para uma festa em Ibiza.
De acordo com o Daily Mail, os dois se encontraram pela primeira vez no aeroporto e, após beberem, ela decidiu ir para cima dele no voo. Os dois estão chocados com a repercussão do caso. “Estou apavorada. Tudo começou com uma bebedeira e tornou-se algo mundial. Não paro de chorar desde que vi isso”, disse Tracey a um amigo, segundo a publicação.
Já Shaun, segundo os amigos, é conhecido por ser mulherengo e está noivo de uma mulher grávida de 25 anos. “Parece que ele não está muito preocupado com o que ocorreu. Inclusive deixou a noiva, que está no sexto mês de gestação, em casa”, contou um amigo.
Os dois foram procurados para comentar o caso, ocorrido há uma semana, mas não quiseram se pronunciar. De acordo as testemunhas, os comissários de bordo não fizeram nada para impedir os dois de continuarem o ato. Uma passageira ainda pediu para mudar de lugar porque não aguentava mais ver tal cena.
G2