Seguidores

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

Vereadores de Baía da Traição ganham R$ 42 mil por ano para trabalhar seis meses

Os dados estão disponíveis no sistema Sagres, do Tribunal de Contas do Estado



Parte da população brasileira trabalha cerca de oito horas por dia, ao menos seis vezes na semana, para ganhar em média um salário mínimo por mês. Entre as atribuições, estão nos mais diversos setores, sendo a maioria essencial para o dia a dia. Férias, só uma vez por ano, quando o benefício é possível.
Em contraste a essa realidade, existem os que trabalham pouco e ganham muito. É o caso da Câmara Municipal da Baia da Traição, no Litoral Norte da Paraíba.

Oito pessoas recebem R$ 42 mil por ano, cada, para exercer o cargo vereador.
Sagres TCE-PB
Sagres TCE-PB
O presidente consegue embolsar um pouco mais, ele recebe o dobro: R$ 84 mil anuais. Os dados estão disponíveis no sistema Sagres, do Tribunal de Contas do Estado.
Mas, esse não é apenas um fato que chama a atenção dos moradores da pacata Baía. Já imaginou ter metade do ano para folgar? Por lá, os vereadores têm direito a 180 dias de recesso.
Por conta disso, tramita um projeto para obrigar a Casa a diminuir o período de ‘férias’, reduzindo para 60 dias.
A proposta é da vereadora Luíza Alice (DEM), que vai conversar com os demais companheiros de trabalho, para que eles possam aprovar a redução.
“É inadmissível na conjuntura política de hoje, uma Câmara continuar com recesso parlamentar de seis meses”, sustenta.

G2

VERGONHA NO PAIS.


3
0 Comentários

Postar um comentário