Seguidores

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

Sargento da PM de Brasília é preso por estuprar filho de 9 anos




Sargento da PM de Brasília é preso por estuprar filho de 9 anos
O militar teve a prisão decretada por meio da 2ª Vara Criminal de Ceilândia. Antes de ser preso ele atuava no 6º Batalhão da Polícia Militar. O sargento está detido desde o dia 2 de fevereiro. Tratado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, o caso só chegou à Justiça por meio de denúncia da ex-mulher.
Depois de espancada, na tentativa de intimidação (como ela relatou) por parte do militar, a mulher recorreu à 19ª Delegacia de Polícia (Ceilândia). Além do processo judicial, em curso, há perspectivas de que um processo administrativo e disciplinar, igualmente em andamento, contribua para a expulsão do militar da PM.
Apesar disso, fotos do pai e do filho, extraídas do perfil do próprio policial no Facebook, circulam na internet. A página pessoal dele foi mantida no ar até este domingo, mesmo após a prisão ter sido decretada. Com a ação em segredo, os detalhes do caso também acabam protegidos.
Na Facebook, Ayres se declarava apoiador do deputado de Jair Bolsonaro (PSC-RJ) – réu no STF por incitação ao estupro e alvo de um processo já arquivado na Câmara dos Deputados por homenagear um coronel do Exército que atuava como torturador na época da Ditadura Militar.
3
0 Comentários

Postar um comentário